OLPC quer laptop popular com preço de R$ 85



Nicholas Negroponte, o cérebro por trás do projeto One Laptop Per Child (OLPC) e do XO, também chamado de “laptop de US$ 100″, precursor de uma série de notebooks de baixo custo hoje conhecidos como subnotebooks, afirmou em entrevista que busca chegar ao preço de US$ 50 (equivalente a R$ 85) para o equipamento.

Em entrevista ao site Laptop Mag (que pode ser lida, em inglês, pelo atalho http://tinyurl.com/45gasy), Negroponte fez comentários a respeito da concorrência e de seus próximos objetivos.

Ele se declarou muito surpreso com a entrada da Intel no mercado de laptops domésticos, e afirmou acreditar que a criação do Classmate colocou a fabricante de chips no posto de concorrência, algo que pode vir a ser um péssimo esforço de estratégia frente a parceiras como Dell, HP e Lenovo.

Para Negroponte, “o OLPC antecipou um mercado que já aconteceria de qualquer forma, mas forçou que ele viesse dois ou três anos antes do normal”.

Mesmo assim, acrescentou, as fabricantes não estão focadas em regiões rurais ou remotas de países mais pobres, missão principal de seu projeto, que previa levar a tecnologia de informação às crianças carentes em países em desenvolvimento.

Agora, a OLPC está trabalhando em uma versão dual-boot, ou seja, que permita que seu laptop XO utilize tanto uma distribuição gratuita Linux quanto o Windows XP, sistema operacional comercial da Microsoft.

E o outro objetivo é alcançar o preço de US$ 50, metade do valor previsto inicialmente para o XO, que também não foi atingido. Hoje, o dispositivo pode ser comprado e doado pelo valor de US$ 200 (equivalente a pouco menos de R$ 340).

Por Magnet




Deixe um Comentário